sexta-feira, 1 de maio de 2009

BendiTEOfruto!


foto: fruto da esteva- flickr/valter jacinto-Portugal


BendiTEOfruto
Do teu ventre,
Mãe- poesia
A nos jorrar promessas
E impropérios
Da mais dura lábia
E dos mais puros lábios
Virginais:
Vadiai, palavra, vadiai
Em busca dos novos
cAis!

10 comentários:

Compulsão Diária disse...

É tão linda sua bênção. De mãe física já sou, agora dei pra ando órfã dela outra - a poesia, Danilo

Rafael disse...

Muito legal seu blog, hein?
To adicionadno aqui...
Abraço

Adriana disse...

a poesia sempre em busca de novos cais...

Cosmunicando disse...

nossos todos ais poéticos, amém!

SURAIA disse...

O overmundo estava mesmo meio chato. Mas teve o mérito de me apresentar poetas tão bons quanto você. Portanto, sigo aqui acompanhando seus textos, encantada pela identificação poética com muitos dos seus poemas
Cecília e Torquato estão entre as minhas paixões. Ao lado do Murilo Mendes e dos três Andrades.

Olhos de Folha Minha disse...

UTERO E FRUTO BENDITA POESIA
bAVO! SEM MUITO O QUE DIZER, SÓ
DELEITE!
BJUS

fernando cisco zappa disse...

dan

isso é algo que em mim
transborda
principalmente quando brinco
nas bordas
ou quando escuto as crianças
àquelas que você já sabe
que me acompanham todas as manhãs

____________________

a irmã do gudiño
tem o livro
vou articular
e te dou um toque

abração meirmão!

nina rizzi disse...

já há cerca (rompam-nas!) de um mês que te descobri e ando a per-segui-lo. hoje não me contive
: que tudos frutos maduros, lua-seio- prontinhos pra meus confi-dentes urgentes.

inté :)

Sheila Vieira disse...

Olá Danilo! Não sabia que éramos parentes! Que bom! Mais um membro pra fazer parte da grande história!
Abraços!

Click disse...

Belíssima sacralidade. Sensíveis demais as palavras! Ótimo!